O que serias capaz de fazer para mereceres o dorsal número 1?

Tempo de leitura
menos de
1 minuto

O que serias capaz de fazer para mereceres o dorsal número 1?

Outubro 26, 2016 - 21:59

Desafio inédito é já uma imagem de marca da São Silvestre da Figueira da Foz. Venham daí as ideias loucas...

O desafio apela a um pouco de loucura: Afinal o que serias capaz de fazer para merecer o dorsal número 1 da São Silvestre Figueira da Foz?

 

Na edição inaugural Madalena Fontinhas respondeu ao repto lançado pela organização e propôs-se a correr os 10 quilómetros da prova saltando à corda durante todo o percurso. E conseguiu-o, com o dorsal número 1 preso ao peito, para espanto de muitos que pensaram que a jovem de Benavente não seria capaz de tamanha proeza.

 

Em 2015 Rumitch Campos correu a prova (debaixo de um enorme temporal) com um fato de Pai Natal adornado por luzes. Apesar do mau tempo que se fez sentir não se registou nenhum curto-circuito no atleta de nacionalidade brasileira e residente na Figueira da Foz.

 

Em 2016 o desafio volta de novo e a pergunta é a mesma de sempre: Afinal, o que serias capaz de fazer para ganhares o direito a ter o dorsal número 1 da 3ª São Silvestre Figueira da Foz? Responde até 20 de novembro de 2016 ao formulário que se segue e caso sejas o(a) escolhido(a) prepara-te para seres o centro das atenções. E este ano, são aceites igualmente propostas de grupos.

 

O desafio vencedor será selecionado pela organização e anunciado no dia 1 de dezembro.

 

Aceitam-se as maiores loucuras. Haja coragem... e imaginação.

Clica aqui para acederes ao formulário de candidatura